You are currently viewing Passo a passo para elaborar um plano de negócios

Passo a passo para elaborar um plano de negócios

Os empreendedores mais inteligentes buscam constantemente formas de diminuir os riscos de seus investimentos. Através do plano de negócios, tema do blog de hoje, é possível planejar e visualizar cuidadosamente um empreendimento, aumentando, de modo significativo, suas chances de sucesso. 

O que é um plano de negócios?

O plano de negócios é um documento que contém tudo sobre o negócio que se deseja iniciar. Seu objetivo é diminuir os riscos e as incertezas, bem como, analisar a viabilidade do empreendimento. 

Com a realização desse planejamento estruturado, é possível obter mais informações sobre o ramo, produtos e serviços de sua ideia de negócio. Dessa forma, você terá mais base para responder à pergunta: “vale ou não seguir com essa ideia?”.

É preciso ter em mente que as incertezas sempre vão existir. Ter cem por cento de garantia de sucesso não é algo alcançável. Porém quanto melhor preparado você estiver na hora de iniciar seu empreendimento, maiores serão suas chances de alcançar os resultados desejados. 

Passo a passo para a elaboração do plano de negócios

  • Sumário executivo

Apresenta-se na primeira seção do plano, porém, ele deve ser a última coisa a ser escrita. O sumário executivo é um resumo dos pontos mais relevantes contidos no plano de negócios, sendo necessário, a partir dele, se obter um panorama geral do que é o empreendimento e sua viabilidade. Nele devem estar presentes: conceito do negócio, características financeiras e posição comercial atual. 

  • Aspectos técnicos 

Esta parte do plano de negócios deve cobrir: apresentação do empreendimento, logomarca, layout, recursos humanos, estrutura organizacional, capacitação técnica da equipe, missão, visão, valores, objetivos, descrição detalhada dos produtos e serviços e descrição detalhada do processo de produção. 

Os aspectos técnicos são a essência do empreendimento. A partir dele, deve ser possível identificar o tipo de atividade que o negócio realizará, como a irá executar, sua proposta de valor e onde deseja chegar. 

  • Análise do mercado 

Aqui são contemplados: análise do mercado consumidor, análise do mercado fornecedor, mercado concorrente, planejamento estratégico, análise SWOT, fatores críticos de sucesso, marketing e resultados da aplicação de pesquisa de mercado.  

Conhecer os pontos fracos e fortes sobre o negócio, bem como, sobre o mercado onde ele estará inserido é fundamental para a diminuição de riscos. Quanto mais informações possam ser obtidas, mais confiável será a decisão do projeto ser classificado como viável ou não.  

  • Análise financeira

Aqui você deve fazer: o investimento inicial estimado, depreciação de móveis e equipamentos, composição dos custos, recursos humanos, custos de produção, preço de vendas, projeção de vendas, projeção do demonstrativo de resultado e fluxo de caixa e, para finalizar, análise de viabilidade do empreendimento. 

A análise financeira é extremamente crucial. Nela será feita uma projeção dos gastos e também das entradas de dinheiro, possibilitando analisar se o negócio é viável do ponto de vista financeiro. Outro ponto importante aqui é a projeção de retorno sobre os investimentos, pois ela lhe dirá em quanto tempo seu negócio será capaz de recuperar o valor investido para iniciá-lo. 

Você tem vontade de abrir seu próprio empreendimento, mas gostaria de obter mais conhecimentos técnicos antes de iniciá-lo? Você não está errado de pensar assim! Quanto mais estude e entenda sobre administração e negócios, melhores são suas chances de iniciar um empreendimento competitivo, capaz de gerar os retornos desejados.  

Existem muitas formas de estudar. Você pode ler livros, entrar em uma faculdade ou começar um treinamento profissionalizante. O treinamento de Administração Executiva oferecido pela Traine serve muito bem aos propósitos daqueles que desejam aprender a estruturar e gerir um negócio. Ficou interessado? Acesse nosso site para melhores informações.