You are currently viewing Entrevista de emprego: como faço para falar dos meus defeitos sem me prejudicar?

Entrevista de emprego: como faço para falar dos meus defeitos sem me prejudicar?

É só alegria quando fazem a pergunta “Quais são seus pontos fortes?” em uma entrevista de emprego. Ela é um convite para destacar todas as habilidades e experiências que fazem de você um ótimo candidato para a vaga. O obstáculo surge quando se é questionado sobre os pontos fracos, os defeitos.

Como expor os seus defeitos em uma entrevista sem se prejudicar? Isso parece ser complicado, não é mesmo? Mas não se preocupe não, porque hoje nós vamos te ajudar nisso. 

Conheça os seus pontos fracos

Se você não sabe quais são os seus pontos fracos, faça um teste de personalidade para lhe ajudar a tomar conhecimento. Todos temos pontos fortes e fracos, e você com certeza precisa ter em claro quais são os seus.

Pense nas limitações que desafiam você. Um bom exercício é fazer uma lista de todas as dificuldades que você sabe que tem.

Analise a vaga em aberto

Quando o recrutador pergunta para você “Quais são os seus pontos fracos?”, o que ele deseja entender é como você lida com as adversidades no trabalho. O seu objetivo deve ser responder a essa pergunta de modo a ganhar terreno.

Para isso, a primeira coisa que você deve fazer é analisar muito bem a vaga em aberto. Antes da entrevista, releia com atenção a descrição do cargo para saber quais atributos e habilidades são essenciais para o seu desempenho. Essas habilidades essenciais, sejam elas soft skills ou hard skills, com toda certeza não devem estar na sua lista de pontos fracos.   

Mostre como você supera os seus pontos fracos  

Como já mencionamos, todos nós temos pontos fortes e fracos, por isso não há necessidade de esconder nenhum deles.

O melhor que podemos fazer em relação aos nossos defeitos – não só na entrevista, mas na vida em geral – é admiti-los e trabalhar para melhorá-los.

Desse modo, na entrevista, fale dos seus pontos fracos, mas não deixe de mostrar o que você tem feito para superá-los. Essa postura demonstra humildade, foco em ações positivas e a busca pelo aprendizado constante. 

Quer saber como se dar bem em qualquer processo seletivo? Assista ao nosso De olho no mercado com o CEO da Talent Hunter, Simão Silva.